Érica Sarmiento da Silva  
 
COORDENADORA (PPGH)

Pós-doutora em História na UERJ. Doutora em História pela Universidade de Santiago de Compostela.

Publicações:
SILVA, E. S. Galegos no Rio de Xaneiro (1850-1920). Santiago de Compostela: USC, 2007.
SILVA, E. S. O outro Rio: a emigração galega no Rio de Janeiro. Santiago de Compostela: 3C3, 2006, v. 1.
SILVA, E. S. “Os galegos excluídos: ladrões, mendigos e cáftens”. In: MARTINS, I. L. HECKER, A. (org.). Migrações, histórias, cultura, trajetórias. São Paulo: Expressão e Artes, 2011, v.1. pp. 281-296.
SILVA, E. S. “Pelos logradouros cariocas: uma perspectiva da imigração galega no Rio de Janeiro”. In: SOUSA, Fernando e outros (org.). A emigração portuguesa para o Brasil. Porto: Afrontamento, 2006, pp. 193-208.
SILVA, E. S. “Galegos no Rio de Xaneiro”. Estudos Migratórios, v. 1. pp. 7-29, 2009.

Áreas temáticas:
Imigração Urbana, com destaque para a Imigração Galega
Imigração no Rio de Janeiro
Imigração e Criminalidade
Imigração e Anarquismo


 
 
 



  Lená Medeiros de Menezes  
 
COORDENADORA (PPGH/PPGRI)

LÍDER GRPesq "IMIGRAÇÃO URBANA E DIÁSPORAS CONTEMPORÂNEAS"

Professora Titular de História Contemporânea da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). Doutora em História pela Universidade de São Paulo (USP/ 1995), com Pós-doutorado na Pontifícia Universidade Católica (PUC-SP/ 2007). Mestre em História pela Universidade Federal Fluminense (UFF), 1986. Bolsista de Produtividade do CNPq, Procientista-UERJ. Cientista do estado (FAPERJ). Líder do grupo de Pesquisa “Imigração Urbana e Diásporas Contemporâneas(GRPesq-CNPq).

Publicações:
MENEZES, L. M. de. Os Indesejáveis. Protesto, Crime e Expulsão na Capital Federal (1890-1930). Rio de Janeiro: EdUERJ, 1996.
MENEZES, L. M. de. Os Estrangeiros e o Comércio do Prazer nas Ruas do Rio. Rio de Janeiro: Arquivo Nacional, 1992 (Prêmio Arquivo Nacional de Pesquisa).
2011. "Facettes Marginales du Rêve de Civilisation: Immigration Fraçaise et Prostitution au Brèsil (1816-1930)". In: VIDAL, Laurent et DE LUCA, Tania Regina. Les Français au Brèsil- XIX-XXe siècles. Paris: Les Indes Savantes, 2011.
MENEZES, L. M. de. “Imigração e Comércio: silêncios sobre a mulher”. In: SARGES, Maria de Nazaré; SOUZA, Fernando; MATOS, Maria Izilda (org.). Entre-Mares – O Brasil dos Portugueses. Belém-Pará: Paka-Tatu, 2010, pp. 186-194.
MENEZES, L. M. de. “A ‘onda’ emigratória de 1912: dos números às trajetórias”. In: SOUZA, Fernando; MARTINS, Ismênia; MATOS, Maria Izilda (org.). Nas duas margens: Os portugueses no Brasil. Porto/Portugal: CEPESE, 2009, pp. 237-247.

Áreas temáticas:
Movimentos Migratórios e Relações Internacionais
Imigração Européia no Rio de Janeiro, com destaque para Portugal e França
Imigração Urbana
Imigração e Gênero
Imigração e Mídia
Movimentos Sociais
Mitologias Políticas


 
 




  Syrléa Marques Pereira  
 
COLABORADORA
(COORDENADORA ADJUNTA DE 2010 a 2015)

Pós-doutoranda em História na UERJ, com bolsa FAPERJ. Doutora em História pela Universidade Federal Fluminense (UFF/2008), com realização de Doutorado sanduíche na Università di Napoli.

Publicações:
PEREIRA, S. M. Ser italiano no Brasil ou como viver entre dois mundos. In: MARTINS, I.L. e HECKER, Alexandre (org.).E/imigrações: histórias, culturas, trajetórias. São Paulo: Expressão e Arte editora, 2010, pp. 43-54.
PEREIRA, S. M. "As guardiãs da memória e suas viagens de retorno". In: SORI, Ercole e TREVES, Anna (org.). L'Italia in movimento: due secoli di migrazioni (XIX-XX). Uldine: Formi, 2008, pp. 449-463.
PEREIRA, S. M. "Mulheres, fotografia e objetos: imigração italiana e a arte de colecionar memórias. In: Atas do I Encontro de las Ciencias Humanas y Tecnologicas para la integración en el cono sur. Pelotas, 2011.
PEREIRA, S. M. Os Pellegrini-Consani: história die uma família italiana no Brasil. Comunità italiana. Niterói, 30 março 2007, p. 33.

PRODUÇÃO ARTÍSTICA
Pesquisa e roteiro do documentário: "La Cassettina dei Ricordi" (Caixinha de Lembranças). (Brasil, 8 min, 2011, DVD, 14 anos). Oficina de Vídeo do REcine - Festival Internacional de Cinema de Arquivo do Arquivo Nacional. Rio de Janeiro, nov.2011.

Curadoria e pesquisa da EXPOSIÇÃO ENTRE DOIS MUNDOS.
10 de março a 02 de abril.
Galeria Gustavo Schonoor - Centro Cultural. UERJ, Campus Maracanã

Áreas temáticas:
Imigração Italiana
Imigração no Rio de Janeiro
Memória e Família
História Oral
História da Imagem


 
 
 



 

  Silvia Salvatici  
 
COLABORADORA

Professora Associada de História Contemporânea e História da Mídia no Collegio di dottorato in Culture, linguaggi e politiche della comunicazione dell'Università di Teramo. Doutora em Ciência Histórica pela Scuola superiore di studi storici dell'Università di San Marino. Detentora dos prêmios “Franca Pieroni Bortolotti” (1992) e “Manlio Rossi-Doria” (1999). Bolsista na Potsdam Universität, Wirtschafts- und Sozialwissenschaftliche Fakultät (1991-2). Pesquisadora honorária na School of History, Classics and Archeology del Birkbeck College – Londres (2009-2010). Pesquisadora Associada em l'Italian Academy at Columbia University - New York e Fernand Braudel Senior Fellow presso il Department of History and Civilization dello European University Institute - Firenze (2009-2010).

Publicações:
SALVATICI, S e SCATTIGNO, Anna Scattigno. In: Una stagione diversa. Le donne del Consiglio Comunale di Firenze dal 1946 al 1960. Firenze: Comune di Firenzem, 1998.
SALVATICI, S. Contadine dell'Italia fascista: presenze, ruoli, immagini. Torino: Rosenberg & Sellier, 2000.
SALVATICI, S. Senza casa e senza paese. Profughi europei nel secondo dopoguerra. Bologna: Il Mulino, 2008.
SALVATICI, S., CRAINZ Guido, e PUPO, Raoul. Naufraghi della pace. Il 1945, i profughi e le memorie divise d'Europa. Roma: Donzelli, 2008.
SALVATICI, S. Confini. Costruzioni, attraversamenti, rappresentazioni. Soveria Mannelli: Rubbettino, 2005.

Áreas temáticas:
História da Europa
Imigração e Gênero
História da Mídia


 




  Ana Maria Rebello  
 
PESQUISADORA

Doutora em História pelo PPGH/UERJ, com a defesa da tese "Visíveis porque risíveis. Presença portuguesa na caricatura do Rio de janeiro: sopros de modernidade no traço e no humor de Julião Machado".Mestre em História da Arte pela Escola de Belas Artes da Universidade Federal do Rio de Janeiro, EBA/UFRJ (1990). Bacharel em Comunicação Visual pela Escola de Belas Artes da Universidade Federal do Rio de Janeiro, EBA/UFRJ (1982). Docente nos cursos de Pós-Graduação em Artes Visuais e Graduação Tecnológica em Design Gráfico na Universidade Estácio de Sá, Rio de Janeiro.


Publicações:
2006. "Presença Portuguesa na Caricatura Brasileira: Sopros de Modernidade no Traço e no Humor". In: Actas do Congreso Internacional Lusocom. Santiago de Compostela: Edição USC - Andión, Margarita Lêdo ed., pp. 3979-3990.
2009, com P. R. M. OLIVEIRA. "Despertando desejos no design de sites de relacionamento amoroso". In: Encuentro Latinoamericano de Diseño. Buenos Aires. Universidad de Palermo.


Áreas temáticas:
História da Arte
História do Design
Imigração e Caricaturistas Portugueses


 
 
 



  Regina Weber  
 
COLABORADORA

Professora do Departamento de História e do Programa de Pós-Graduação em História da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Doutora em Antropologia Social pelo Museu Nacional/UFRJ e Mestre em História pela Universidade de Campinas (UNICAMP).


Publicações:
WEBER, Regina. Espanhóis no Sul do Brasil: diversidade e identidade. História Questões & Debates. Associação Paranaense de História/ Programa de Pós-Graduação em História da UFPR. v. 29, n. 56, jan./jun. 2012. Disponível em http://ojs.c3sl.ufpr.br/ojs2/index.php/historia/index
WEBER, R.; WENCZENOVICZ, T. J. Historiografia da imigração polonesa: avaliação em perspectiva dos estudos sobre o Rio Grande do Sul. História UNISINOS. v. 16, n. 1. jan./abr. 2012. p. 159-170. Disponível em http://www.unisinos.br/revistas/index.php/historia.
WEBER, R. Galegos no sul do Brasil: alternativas na América. Anos 90. v. 17, n. 31. jul. 2010. p. 78-108 [ISSN 0104-236X; E-ISSN 1983-201X – B1] Disponível em: http://seer.ufrgs.br/index.php/anos90/index
WEBER, R. Imigração e identidade étnica: temáticas historiográficas e conceituações. Dimensões – Revista de História da UFES. Vitória: Universidade Federal do Espírito Santo. n. 18, 2006 p. 236-250. Disponível em http://www.ufes.br/ppghis/dimensoes/artigos/Dimensoes18_ReginaWeber.pdf
WEBER, R. Os operários e a Colméia: trabalho e etnicidade no sul do Brasil. Ijuí: Editora UNIJUÍ, 2002.

Áreas temáticas:
Etnicidade e imigração
Cultura Operária
História Oral



 
 




 

  Susana P. F. Serpa Silva  
 
COLABORADORA

Professora da Universidade do Açores. Doutora em História Contemporânea pela Universidade dos Açores (2007). Investigadora Integrada do Centro de História de Além-Mar (CHAM)da Universidade Nova de Lisboa e Universidade dos Açores. Membro de Projectos de Investigação da Fundação para a Ciência e Tecnologia - FCT (Portugal) e da Direcção Regional da Ciência e Tecnologia - DRCTC (Açores), no âmbito da História Social e Cultural Contemporâneas.

Publicações:
SILVA, S.S. "Criminalidade e Justiça na Comarca de Ponta Delgada". Uma abordagem com base nos processos penais (1830-1842). Ponta Delgada: Instituto Cultural de Ponta Delgada, 2003.
SILVA, S.S. “O Distrito da Horta no contexto da emigração açoriana (1836-1839). Uma análise com base nos registos de passaportes”. In: SARGES, Nazaré e outros(dir.). Entre Mares: o Brasil dos Portugueses, Belém do Pará: UFBP, 2010.
SILVA, S.S. e CORDEIRO, Carlos. “Perspectivas sobre a emigração açoriana no século XIX”. In: FONSECA, Maria Lucinda (coord.). Actas da Conferência Internacional Aproximando Mundos: emigração, imigração e desenvolvimento em espaços insulares. Lisboa: Fundação Luso-Americana, 2010, pp. 327-345.
SILVA, S.S. “Emigração legal e clandestina nos Açores de oitocentos (da década de 30 a meados da centúria)”. In: Fernando de Sousa, Ismênia Martins, Izilda Matos (coord.). Nas Duas Margens: os Portugueses no Brasil. Porto: Edições Afrontamento, 2009, pp. 381-400.

Áreas temáticas:
História Contemporânea (social, cultural e institucional), com especial incidência nas áreas da emigração, criminalidade, exclusão social, assistência, quotidiano, sociabilidade e dinâmicas sociais.


 
 
 



 

  Henrique Mendonça da Silva  
 
MESTRANDO NO PHS DA UERJ

Mestrando em História Social pelo Programa de Pós Graduação da UERJ. Especialização em História do Brasil pelo Programa de Pós Graduação da UERJ. Professor da rede pública de ensino. Atualmente participa da elaboração do Centro de Memória da Imigração da Hospedaria da Ilha das Flores, desenvolvendo estudos sobre narrativas orais de refugiados pós Segunda Guerra Mundial, coleções fotográficas sobre a imigração no Rio de Janeiro e a história institucional da Hospedaria de Imigrantes da Ilha da Flores.

Publicações:
Dissertação em elaboração

Áreas temáticas:
História e Intelectuais
História e Imagem
História da Imigração


 
 




  Maria Izilda Santos de Matos  
 
COLABORADORA
LÍDER GRPesq "IMIGRAÇÃO URBANA E DIÁSPORAS CONTEMPORÂNEAS"

Professora Titular da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC/SP) e Professora da Universidade Presbiteriana Mackenzie. Doutora em História pela Universidade de São Paulo (USP), com Pós doutorado na Université Lumiere Lyon 2, Lyon/França. Bolsista de Produtividade do CNPq. Líder do Núcleo de Estudos da Mulher da PUC-SP

Publicações:
MATOS, M. I. A cidade, a noite e o cronista: São Paulo de Adoniran Barbosa. Bauru: EDUSC, 2008.
MATOS, M. I. e outros. História e Deslocamentos: os portugueses. Bauru/Porto, EDUSC/CEPESE, 2008.
MATOS, M. I. Ancora de Emoções. Bauru: EDUSC, 2005.
MATOS, M. I. Melodia e Sintonia: o masculino, o feminino e suas relações em Lupicínio Rodrigues. 2ª ed. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 1999.
MATOS, M. I. Dolores Duran: Experiências Boêmias em Copacabana nos anos 50. 2ª ed. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil,2002. O imaginário em debate. SP, Olho d'água, 1998.

Áreas temáticas:
História e cultura
História e imigração
Imigração portuguesa


 
 
 



  Beatriz Kushnir  
 
COLABORADORA

Professora Convidada do Departamento de História/Unicamp e Professora visitante junto ao Departamento de História da UFF. Diretora-Geral do Arquivo Geral da Cidade do Rio de Janeiro, com experiência na área de Gestão Pública. Doutora em História Social do Trabalho pela Universidade Estadual de Campinas (2001), Pós-doutoramento (Júnior) junto ao Cemi/Unicamp (2005), e Pós-doutoramento (Sênior) junto ao Departamento de História/UFF (2007-8). Mestre em História Social pela Universidade Federal Fluminense (1994). Graduada em História pela Universidade Federal Fluminense (1989).

Publicações:
KUSHNIR, Beatriz . Cães de guarda: jornalistas e censores, do AI-5 à Constituição de 1988.. São Paulo: Boitempo, 2004.
KUSHNIR, Beatriz (Org.) Perfis cruzados: trajetórias e militância política no Brasil . Rio de Janeiro: Imago, 2002.
KUSHNIR, Beatriz . Pelo buraco da fechadura: o arquivo dos DOPS (RJ e SP). Discursos Sediciosos (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, n. 7, pp. 207-212, 2002.
KUSHNIR, Beatriz. Nem bandidos, nem heróis: os militantes judeus de esquerda mortos sob tortura no Brasil (1969-1975). Cadernos de Língua e Literatura Hebraica, São Paulo, v. 3, pp. 235-266, 2001.
KUSHNIR, Beatriz . Baile de Máscaras: mulheres judias e prostituição. As polacas e suas associações de ajuda mútua. Rio de Janeiro: Imago, 1996.

Áreas temáticas:
História do Brasil Contemporâneo, com ênfase nos seguintes temas: censura, governos militares, imprensa, imigração, arquivos, investigação sobre os furtos de bens culturais e a salvaguarda do patrimônio histórico


 
 




  José Sacchetta Ramos Mendes  
 
COLABORADOR

Professor do Instituto de Humanidades, Artes e Ciências da Universidade Federal da Bahia (IHAC/UFBA). Doutor em História Social pelo Departamento de História (FFLCH/USP). Foi Visiting Scholar na Universidade de Columbia (Nova York, EUA) e Pós-doutor na Faculdade de Direito da USP. Tem formação em Direito (USP) e Filosofia (USP). Sua tese de doutorado, “Laços de Sangue. Privilégios e Intolerância à Imigração Portuguesa no Brasil” obteve, em 2007, o primeiro lugar no Prêmio Fernão Mendes Pinto, outorgado pela Associação das Universidades de Língua Portuguesa.

Publicações:
MENDES, J. S. R. Laços de Sangue. Privilégios e Intolerância à Imigração Portuguesa no Brasil. Porto: Cepese, 2010; São Paulo: EDUSP, 2011.
MENDES, J. S. R. “O apogeu da imigração portuguesa para a América do Sul (1904-1915): diversidade socioeconômica e dilemas comparativos com Itália e Espanha”. In: SARMENTO, C. Montalvão; GUIMARÃES, Lúcia M. P.(org.). Redes de poder e relações culturais (Portugal-Brasil, séc. XIX-XX). Coimbra: Almedina, 2010, p. 145-164.
MENDES, J. S. R. “O tratado do primeiro centenário ou a retórica das duas pátrias”. In: CASTRO, Z. O. de; SILVA, J. R.(org.). Tratados do Atlântico Sul. Portugal-Brasil. Lisboa: Centro de História da Cultura, Universidade Nova de Lisboa. Colecção Diplomática do MNE, 2006,p.165-04.
MENDES, J. S. R. “Cidadania brasileira e os imigrantes de língua portuguesa”. In: SARMENTO, Cristina M. (org.). Direito, cidadania e desenvolvimento. Luanda-Angola: Associação das Universidades de Língua Portuguesa, 2009, pp. 125-142.
MENDES, J. S. R. “A Constituição Federal de 1988 e os imigrantes portugueses”. In: CUNHA JR., D.; PAMPLONA, R.(org.).Temas de Teoria da Constituição e Direitos Fundamentais. Salvador: JusPodivm, 2007,p.187-200.

Áreas temáticas:
Imigração, Legislação, Diplomacia
História comparada das migrações internacionais
Movimentos sociais e imigração


 
 
 



 

  Xosé Manoel Núñez-Seixas  
 
COLABORADOR

Professor Catedrático de Historia Contemporânea da Universidade de Santiago de Compostela. Doutor en História Contemporânea pelo Instituto Universitário Europeu de Florência. Membro do Arquivo da Emigração (Consello da Cultura Galega). Participou dos Conselhos de Redação das revistas Estudos Migratorios e Estudios Migratorios Latinoamericanos. É autor de livros e artigos en revistas e publicações coletivas de âmbito galego, ibérico e internacional.

Publicações:
NUNEZ-SEIXAS, X. M. Emigrantes, caciques e indianos. O influxo sociopolítico da emigración transoceánica en Galicia, 1900-1930. Vigo: Edicións Xerais, 1998.
NUNEZ-SEIXAS, X. M. (ed.), La Galicia Austral. La inmigración gallega en la Argentina. Buenos Aires: Editorial Biblos, 2001.
NUNEZ-SEIXAS, X. M. O inmigrante imaxinario. Estereotipos, representacións e identidades dos galegos na Arxentina (1880-1940). Santiago de Compostela: Universidade de Santiago de Compostela, 2002.
NUNEZ-SEIXAS, X. M. X. M. Núñez Seixas e Raúl Soutelo Vázquez, As cartas do destino. Unha familia galega entre dous mundos, 1919-1971. Vigo: Galaxia, 2005.
NUNEZ-SEIXAS, X. M. e LOPO, Domingo L. González (eds.), Amarras de tinta. Emigración transoceánica e escrita popular na Península Ibérica, séculos XIX-XX. Santiago de Compostela: Consello da Cultura Galega, 2011.

Áreas temáticas:
Estudo comparado dos nacionalismos europeus e ibéricos
História cultural da guerra e Estudos migratorios ibéricos, com especial atenção à história da emigração galega para a América do Sur, nas dimensões sociopolíticas e culturais
Migracións de retorno e Exílio político
Associacionismo emigrante e liderado étnico
Escritas da emigración: cartas, diários e autobiografías


 
 




 

  Ruy Farias  
 
COLABORADOR

Professor da Universidad Nacional de General Sarmiento, da Universidad Autônoma de Entre Rios e do Instituto Superior Del Profesorado Joaquín V. González. Doutor em História pela Universidad de Santiago de Compostela (USC). Licenciado em História pela Universidad de Buenos Aires (UBA).Membro do Programa de História Oral da UBA e responsável pela área de investigação do Museu de Emigração galega na Argentina.

Publicações:
FARIA, R. Buenos Aires Gallego. Inmigración, pasado y presente (comp.). Buenos Aires: CPPHC, 2007. Reeditado como Bos Aires Galega. Toxosocitos: Noia, 2010.
FARIA, R., LOJA, M. R., GUIDOTTI, M. Los “gallegos” em el imaginário argentino. Literatura, sainete, prensa. A Coruña/Vigo: Fundación Pedro Barrié de la Maza, 2008.
FARIA, R. La inmigración Gallega em el Sur Del Gran Buenos Aires, 1869-1960. Santiago de Compostela: USC, 2010 (Tese de doutorado editada em CD-ROM).

Áreas temáticas:
Imigração galega na Argentina
Repressão franquista na Galícia
Exílio galego
Imigração e imaginário sócio-cultural


 
 
 



  Maria de Nazaré dos Santos Sarges  
 
COLABORADORA

Doutora em História pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP, Campinas). Professora do curso de graduação em História e do Programa de Pós-Graduação em História Social da Amazônia da Universidade Federal do Pará.

Publicações:
SARGES, Maria de Nazaré. A 'Galícia' paraense: imigração espanhola em Belém do Pará (1890-1910) In: T(r)ópicos de História: gente, espaço e tempo na Amazônia (séculos XVII a XXI).1 ed. Belém : Açaí, 2010, v.1, pp. 201-218.
SARGES, Maria de Nazaré. Las corridas de toro y las associanes de migrantes gallegos: la construcción del imaginario ibérico en la In: Atlàntico imaginado: fronteras, migraciones y encuentros.1 ed. Madrid : Ministerio de Trabajo e Inmigración - Subdirección General de Información Administrativa y Publicaci, 2010, v.1, pp. 125-143.
SARGES, Maria de Nazaré, MORGADO, Cauê. Os portugueses nos autos judiciários: sociabilidade e tensões In: ENTRE MARES - O Brasil dos portugueses.1 ed. Belém : Paka-Tatu, 2010, v.1, pp. 93-107.
SARGES, Maria de Nazaré. "Tauromachia", Tauromania: migrantes galegos e práticas culturais em Belém In: Migrações na Amazõnia ed. Belém: Açaí, 2010, v.2, pp. 55-66.
SARGES, Maria de Nazaré. Os portugueses na cidade: trabalho e cotidiano (Belém - 1900) In: Nas Duas Margens: os portugueses no Brasil.01 ed.Porto : Edições Afrontamento, 2009, v.01, pp. 177-187.

Áreas temáticas:
Imigração na Amazônia
Imigração Portuguesa
Imigração Espanhola
Imigração, Cotidiano e Trabalho


 
 




  Alexandre Belmonte  
 
COLABORADOR

Doutor em História Política na Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ).Mestre em História Política pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (2006). Especialização em Língua e Literatura Italiana pela Università Dante Alighieri di Reggio Calabria. (1998-1999). Bacharel em História pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (1997)

Publicações:
BELMONTE, Alexandre. A construção do outro e do si-mesmo: vínculos de identidade e alteridade no relato de Jean de Léry. Rio de Janeiro, UERJ, 2006. (dissertação de Mestrado)
BELMONTE, Alexandre. "Mundo Novo e Paraíso Terrestre: o 'transe' dos viajantes da Conquista da América" In: América Latina: identidades em construção. 1 ed. Rio de Janeiro : 7 Letras, 2008, v.1, pp. 7-33.
BELMONTE, Alexandre. "Globalização, Educação e Exclusão" In: Religião,Violência e Exclusão. 1ª ed. Rio de Janeiro : 7Letras, 2006, v.1, pp. 9-24.
BELMONTE, Alexandre. "Canibalismo en Brasil y en Francia mediante las relaciones de Jean de Léry" In: Anais do Segundo Congreso Latinoamericano de Ciencias Sociales y Humanidades. , 2006. v.1. pp.1 – 20. II Congreso latinoamericano de ciencias sociales y humanidades, 2006, Mérida, Yucatán.
BELMONTE, Alexandre. “O "nascimento" de italianos no Rio de Janeiro imperial, antes da unificação italiana.” Comunicação apresentada no VI Fórum de Debates, Povos e Culturas das Américas: cidades em debate – economia, meio-ambiente e etnicidade. Universidade do Estado do Rio de Janeiro, 02 de junho de 2011, pp. 1-14.

Áreas temáticas:
Imigração Urbana
Imigração Italiana no Rio de Janeiro
Relações entre o "eu" e o "outro": construção de identidades e alteridades
Viajantes e Relatos de viagens sobre o Brasil


 
 
 



  Thais Wenczenovicz  
 
COLABORADORA

Possui graduação em História pela Universidade Regional Integrada Campus de Erechim (1998), especialização e mestrado em História Regional pela Universidade de Passo Fundo (2002), doutorado em História cursado na Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul e pós-doutorado em História na Universidade Federal do Rio Grande do Sul e Instytut Studiów Iberyjskich i Iberoameryka-UW Polônia. Atualmente é docente da Universidade Estadual do Rio Grande do Sul, atuando em cursos de graduação e pós-graduação em Educação. Na área da História, dedica-se ao ensino de História Contemporânea e Práticas de Pesquisa em História.


Publicações:
MAZUREK, J., WENCZENOVICZ, T. J. Polacy pod Krzyzem Poludnia. Varsóvia: Wydawcy/Editores, 2009, v.1.
WENCZENOVICZ, T. J. Montanhas que furam as nuvens: Imigração Polonesa em Áurea. Passo Fundo/RS : EDIUPF, 2002.
WENCZENOVICZ, T. J. Pequeninos Poloneses: o cotidiano das crianças polonesas (1920-1960). Xanxerê/SC: News Print Gráfica, 2010.
WENCZENOVICZ, T. J. A Imigração Polonesa In: História Geral do Rio Grande do Sul, 2007, v.3, pp. 419-433.
WENCZENOVICZ, T. J. A certeza do incerto: morte na imigração polonesa. Semina (Passo Fundo). , v.2, pp.60-67, 2004.


Áreas temáticas:
Imigração Polonesa
Imigração e Colonização no Rio Grande do Sul
História Oral


 
 




  Marilia Canovas  
 
COLABORADORA

Pós-doutoranda em História Econômica pelo Cedhal – Centro de Estudos de Demografia Histórica da América Latina, da FFLCH/USP. Doutora e Mestre em História Social, pela USP. Especialista em Arquivologia pelo IEB - Instituto de Estudos Brasileiros/USP. Pesquisadora do LEER – Laboratório de Estudos sobre Etnicidade, Racismo e Discriminação, da FFLCH/USP, coordenado pela Profª Dra. Maria Luiza Tucci Carneiro. Coordenadora executiva do “Projeto Virtual Histórias Migrantes” (LEER-USP/FAPESP) coordenado pelo Prof. Dr. Sedi Hirano.

Publicações:
CANOVAS, M. Imigrantes espanhóis na Paulicéia: trabalho e sociabilidade urbana, 1890-1922.São Paulo:Edusp/Fapesp, 2009(ISBN 978-85-314-1152-6]
CANOVAS, M. “Espanhóis na Santos da bèlle époque: o espaço expressão da contradição”. Resultados preliminares de uma pesquisa. Maracanan. Programa de Pós-Graduação em História, IFCH/UERJ, vol. VI, nº 6, jan/dez.2010, pp.97-122[ISSN 1807-989X]
CANOVAS, M.“El Diario Español y las asociaciones españolas en São Paulo, en las primeras décadas del siglo XX”. In: BLANCO RODRIGUEZ, Juan Andrés (editor). El asociacionismo en la emigración española a América. Zamora: UNED – Universidad Nacional de Educación a Distancia, 2008, pp. 389-422 [ISBN 978-84-936871-0-6]
CANOVAS, M.“Espanhóis na cafeicultura paulista, 1880-1930:protagonistas ou coadjuvantes”. Revista História Hoje – Revista Eletrônica de História, ANPUH, vol. 2, nº 6, ano 2005, pp. 1-16 (www.anpuh.uepg.br) [ISSN 18063993]
CANOVAS, M.“Aspectos da imigração espanhola e da trajetória do imigrante na cafeicultura paulista, 1880-1930”. In: VV.AA. Bagagem imaginária: estudos antropológicos, históricos e sociológicos sobre imigração, integração cultural e inclusão social. Recife: Companhia Editora de Pernambuco, 2003, pp. 54-64 [ISBN 8586206091]
CANOVAS, M.“Os espanhóis de Villa Novaes e suas narrativas”. Travessia: Revista do Migrante (número temático Narrativas). São Paulo: CEM – Centro de Estudos Migratórios. Gráfica e Editoria Peres Ltda., Ano XVII, nº 49, maio-agosto/2004, pp. 31-39 [ISSN 01035576]

Áreas temáticas:
Imigração espanhola em São Paulo
História Oral
Etnicidade


 
 
 



  Vanessa dos Santos Bodstein Bivar  
 
COLABORADORA

Doutora pelo Programa de Pós-Graduação em História Econômica da Universidade de São Paulo, com intercâmbio propiciado pela FAPESP com a Université de Paris IV – Sorbonne (2008). Bacharel e Licenciada em História pela Universidade de São Paulo (2002). Atualmente é docente do Programa de Mestrado em Estudos Fronteiriços e do curso de graduação em História da Universidade Federal do Mato Grosso do Sul, além de pesquisadora do Centro de Estudos de Demografia Histórica da América Latina- FFLCH/USP e do LEER (Laboratório de Estudos sobre Etnicidade, Racismo e Discriminação - FFLCH/USP). Líder do Grupo de Pesquisa CNPq “Fronteira Oeste do Brasil: história, cotidiano e sociedade”.

Publicações:
BIVAR, Vanessa dos Santos Bodstein. De l'autre côte de l'Atlantique: immigrants français à São Paulo au XIXe. siècle. In: VIDAL, Laurent; LUCA, Tania de. (Org.). Les Français au Brésil. Paris: Les Indes savants, 2011.
BIVAR, Vanessa dos Santos Bodstein. Histórias de vida: a saga de imigrantes franceses em São Paulo (século XIX). Revista Territórios e Fronteiras (UFMT), v. 2, p. 1, 2009.
BIVAR, Vanessa dos Santos Bodstein. Além das Fronteiras. O cotidiano dos imigrantes na São Paulo oitocentista: vestígios testamentais. São Paulo: Humanitas, 2008.
BIVAR, Vanessa dos Santos Bodstein. O desvendar do cotidiano: imigrantes franceses na São Paulo oitocentista. In: FERLINI, Vera Lucia Amaral; MOURA, Esmeralda Blanco Bolsonaro de (orgs.). História Econômica: reflexões e construções do conhecimento. São Paulo: Alameda Editorial, 2006.
BIVAR, Vanessa dos Santos Bodstein; SAMARA, E. M ; DIAS, M.M. Paleografia e Fontes do Período colonial brasileiro. São Paulo: Humanitas, 2005.

Áreas temáticas:
História do Brasil Império, com incidência nas áreas de populações e família; imigração francesa; sociabilidades e fronteira; e imigração urbana.


 
 




  Dolores Martin Rodriguez Corner  
 
Doutora em História pela PUC-SP, 2011, com a defesa da tese “Da Fome à Gastronomia. Imigrantes Galegos e Andaluzes em São Paulo.”; Mestrado em História Social PUC-SP, 2005; Mestrado em Turismo UNIBERO, 2002; Professora da Faculdade SENAC de Turismo e Hotelaria, São Paulo; Professora da Faculdade UNISA, Santo Amaro, São Paulo; Professora das Faculdades Associadas de Cotia, São Paulo; Professora de espanhol do Instituto Cervantes de São Paulo.

Publicações:
CORNER, Dolores M. R. Mudanças alimentares da imigração espanhola em São Paulo. IX Coloquio de La REDAM (RED Antropológica Médica), 2009, Tarragona. Alimentación, Salud y Cultura: Encuentros Multidisciplinares. Tarragona, 2009. v. 1.
CORNER, Dolores M. R.. Gastronomia, patrimônio cultural intangível: um estudo sobre a gastronomia espanhola em São Paulo.. In: VI Seminário Nacional do Centro de Memória e Patrimônio, Campinas. UNICAMP, 2009.
CORNER, Dolores M. R. Inmigrantes españoles en el mundo. Prensa Iberica. Madrid, 28 set. 2008.
CORNER, Dolores M. R. La Gastronomía como Patrimonio Cultural Inmaterial en el Turismo. In: IX Congeso Internacional de Rehabilitación del Patrimonio Arquitectónico y Edificación - CICOP, Sevilha, 2008..
CORNER, Dolores M. R.. Federación Española de Sociologia. In: IX Congreso Español de Sociología, 2007. Barcelona. IX Congreso Español de Sociología. Poder, Cultura y Civilización. Barcelona: Publicacions i Edicions de la Universitat de Barcelona, 2007. v. 1. p. 60-60.

Áreas temáticas:
Imigração Espanhola
Imigração e Gastronomia
Imigração e Patrimônio Cultural


 
 



 

  Paulo Cesar Gonçalves  
 
COLABORADOR

Professor de História Contemporânea e do Programa de Pós-Graduação do Departamento de História da Universidade Estadual Paulista (UNESP), Campus de Assis. Mestre e Doutor em História Econômica pela Universidade de São Paulo. Pesquisador da Cátedra Jaime Cortesão (FFLCH/USP), onde realizou estágio de Pós-Doutorado com apoio financeiro da FAPESP.

Publicações:
GONÇALVES, Paulo Cesar. Mercadores de braços: riqueza e acumulação na organização da emigração européia para o Novo Mundo. São Paulo: Alameda Editorial, 2011.
GONÇALVES, Paulo Cesar. “L’Amazzonia è nostra: emigração e interesses comerciais nos vapores da linha Gênova-Belém-Manaus (1897-1906)”. In Gladys S. Ribeiro; Tânia Bessone da Cruz Ferreira (orgs.). Linguagens e Práticas da Cidadania. São Paulo: Alameda, 2010. pp. 177-201.
GONÇALVES, Paulo Cesar. “Entre Brasil e África: fluxos migratórios e o modelo português de desenvolvimento no final do século XIX”. In Maria de Nazaré Sarges, et alii (orgs.). Entre mares: o Brasil dos portugueses. Belém: Paka-Tatu, 2010. pp. 316-328.
GONÇALVES, Paulo Cesar. Migração e mão-de-obra: retirantes cearenses na economia cafeeira do Centro-Sul (1877-1901). São Paulo: Humanitas, 2006.
GONÇALVES, Paulo Cesar. “Desdobramentos da política imigratória brasileira: um estudo fundamentado na legislação sobre imigração e colonização”. Revista Ágora. v. 12, n.1, jan/jun. Santa Cruz do Sul/RS: EDUNISC, 2006. pp. 185-205.

Áreas temáticas:
História Econômica
Companhias de navegação
Emigração europeia oitocentista
Imperialismo e Colonização
Império português em África


 




 

  Antonio Canovi  
 
COLABORADOR

Diretor do Centro Documentazione Storica di Villa Cougnet- Laboratorio Geostorico Tempo Presente, na Reggio Emilia (Itália), onde promove pesquisas geohistóricas e de educação para a cidadania (Progetto “Educa il Luogo”) (2007). Responsável científico pelo Laboratorio di storia delle migrazioni - Dipartimento di Scienze del Linguaggio e della Cultura, Università di Modena e Reggio Emilia (2011). Cientista Político formado pela Universidade de Bologna (1986). Pós-graduado pela E.H.E.E.S di Parigi (Histoire et Civilisation), com estudos dedicados às cadeias migratórias italianas nos subúbios parisiense (1995). Estudioso dos fenômenos urbanos e da historiografia da memória entre a Itália, França, Bélgica e Argentina.

Publicações:
Pianure migranti. Un’inchiesta geostorica tra Emilia e Argentina, Diabasis, Reggio Emilia, 2009 [3° edizione].
[con Nora Sigman, a cura di Lorenzo Bertucelli], L’Emilia Romagna e le grandi migrazioni. Una regione di mezzo nel lungo Novecento, Teti, Milano, 2009.
L’immagine degli Italiani in Belgio. Appunti geostorici, “Diacronie. Studi di storia contemporanea”, n. 5, 4, 2010.
Partir de l’Émilie-Romagne: le profil d’une ragion “non migratoire”, in Laure Teulières (s.d.), Italiens. 150 ans d’émigration en France et ailleurs, Éditalie éditions, Toulouse, 2011.
La “Petite Italie” rouge d’Argenteuil, in Laure Teulières (s.d.), Italiens. 150 ans d’émigration en France et ailleurs, Éditalie éditions, Toulouse, 2011.
Ripartendo con Mattia. Considerazioni geostoriche intorno all’Amerino tra Otto e Novecento, in Mattia Giurelli, un migrante tra Porchiano e Paterson, a cura di Alberto Sorbini, Editoriale Umbra, Foligno, 2011.

Áreas temáticas:
História da memória
História da migração italiana
Historiografia da memória entre a Itália, a França, Bélgica e Argentina.


 
 



 

  Luís Fernando Beneduzi  
 
COLABORADOR

Professor Associado de História e Instituições das Américas junto à Universidade Ca' Foscari de Veneza. Pós--Doutorado junto ao grupo "Mujeres", Universidade de Turim (2005). Doutor em História pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2004), com bolsa sanduíche junto à Alma Mater Studiorum Universidade de Bolonha (2002). Membro do Comitê de Redação de "Confluenze. Risista do Studi Iberoamericani" e do
Comitê Diretor da Associação Internaciona Areia.

Publicações:
BENEDUZI, Luis Fernando. Os fios da nostalgia. Perdas e ruínas na construção de um vêneto imaginário. Porto Alegre: Editora da UFRGS, 2011.
BENEDUZI, Luis Fernando. Imigração italiana e catolicismo: entrecruzando olhares, discutindo mitos. Porto Alegre : EDIPUCRS, 2008.
BENEDUZI, Luis Fernando. Cuando el passado da lucro: los espacios de memoria en cuanto lugares privilegiados para el turismo histórico. In: Bresciano, Juan Andrés. (org.). Las Dimensiones de la Memoria Histórica em un Mundo Globralizado. Una aproximación interdisciplinaria. Montevideu: Universidad de la República, 2012.
BENEDUZI, Luis Fernando. Etnicità, immaginario sociale e caccia alle streghe: gli immigrati italiani e la politica di nazionalizzazione nel sud del Brasile (1930-1945). Revista Telematica - "Deportate, Esuli e Profughe". n. 11, 2009, pp. 112-130.
BENEDUZI, Luis Fernando. Nostalgia do tempo em um tempo de Nostalgia. In: Pesavento, Sandra; Santos, Nadia Weber; Rossini, Miriam (orgs.). História Cultural: narrativas, imagens e práticas sociais. Porto Alegre: Asterisco, 2008.

Áreas temáticas:
Migrações Internacionais
Imigração Italiana
História Cultural


 




  Alessandra Vanucci  
 
Italiana, possui graduação em Dramaturgia pela Università di Bologna (1989), especialização em Teoria da Tradução pela Katoliek Universiteit Leuven (1990), Mestrado em Teoria do Teatro pela UNI-RIO (2000) e Doutorado em Letras pela PUC-Rio (2004). É Professora Adjunta no Departamento de Artes Cênicas da UFOP e na PUC-Rio. Publicou ensaios e livros focando ideias e artistas viajantes entre Itália e América Latina, como Brasile in scena (Roma: 2004); Uma amizade revelada (Rio de Janeiro: 2005); Critica da razão teatral (São Paulo: 2005); Un baritono ai tropici (Reggio Emilia: 2008, pref. Emilio Franzina). É orientadora da pesquisa de Iniciação Cientifica Artistas viajantes. É diretora teatral premiada no Brasil e na Itália. Como dramaturga, assinou oito peças desde 2004, encenadas pelo Teatro Cargo (Itália). Em 2007 realizou duas curta-metragens. Ativista do Teatro do Oprimido desde 1993, é tradutora das obras do Augusto Boal e estuda seu método e sua estética.

Publicações:
VANNUCCI, A. Un baritono ai tropici. Reggio Emilia: Edizioni Diabasis, 2008. v. 1.
VANNUCCI, A. . Gianni Ratto ou a cena-personagem. Folhetim (Rio de Janeiro), v. 26, p. 30-41, 2007.
VANNUCCI, A.; STEGAGNO PICCHIO, L. S. (Org.). Brasile in scena. Roma: Bulzoni, 2004. v. 1.
VANNUCCI, A.; JACOBBI, Ruggero (Org.). Critica da razão teatral, 2004.
VANNUCCI, A. (Org.) . Uma amizade revelada. Correspondência entre o Imperador Dom Pedro II e Adelaide Ristori, a maior atriz de sua época. Rio de Janeiro: Edições Biblioteca Nacional, 2004. v. 1.
VANNUCCI, A. ; BRUNO, Giordano . O castiçal. Rio de Janeiro: Istituto Italiano di Cultura, 2003. v. 1.

Áreas temáticas:
-


 
 



  Sylvia Ewel Lenz  
 
COLABORADORA

Desde 1995 trabalha como docente na área de História Moderna e Contemporânea da Universidade Estadual de Londrina, Paraná, formada em História (graduação e mestrado) na UFRJ com ênfase na historiografia e pensamento político moderno. No doutorado na UFF e no pós-doutorado na UERJ enfocou a imigração urbana no Rio de Janeiro oitocentista. No doutorado, principalmente os hanseatas e prussianos, e no pós, os britânicos. Atualmente pesquisa sobre a história da Alemanha assim como os imigrantes austro-alemães e seus descendentes no Rio de Janeiro cidade durante o conturbado período das guerras e após.

Publicações:
LENZ, S. E. The Multi-Continental Man - Richard Burton (1821-1890). British & Commonwealth Society. Rio de Janeiro Yearbook, 2011.
LENZ, S. E. “A presença britânica na Corte Imperial”. Locus (UFJF). , v.15, p.207 - 221, 2009.
LENZ, S. E. “Relatos de britânicos no Rio de Janeiro (1807-1867)”. Anais do Museu Histórico Nacional , v.41, p. 211 - 235, 2009.
LENZ, S. E. Alemães no Rio de Janeiro: diplomacia e negócios, profissões e ócios. São Paulo/ bauru: EDUSC, 2008, v.1.
LENZ, S. E. Tratados da Prússia e das Cidades Hanseáticas com o Brasil In: As identidades no tempo: ensaios de gênero, etnia e religião..1 Vitória: EDUFES, 2006, p. 263-280.
LENZ, S. E. “Alemães no Rio de Janeiro oitocentista. Relatos de viajantes e imigrantes”. História Social (UNICAMP), v.10, p.101 - 120, 2004.

Áreas temáticas:
Imigração urbana
Alemães no Rio de Janeiro (1815-1866)
Britânicos no Rio de Janeiro oitocentista
Fuga e expulsão de civis do leste alemão (1944-1947)
Alemães, uma nação entre impérios (1648-1990)


 
 




 

  Baldomero Estrada Turra  
 
COLABORADORA

Catedrático do Instituto de Historia de la Pontificia Universidad Católica de Valparaíso. Licenciado em Historia (Pontificia Universidad Católica de Valparaíso, Chile), MA (Universidad de Pittsburgh, USA). Doutor em Historia (Universidad Complutense de Madrid). Directo do Instituto de Historia e Decano na Pontifícia Universidad Católica de Valparaíso. Bolsista em centros de estudos nos USA, Inglaterra, Espanha e Itália. Especialista em estudos migratórios com mais de 60 artigos sobre o tema. Editor de vários livros e publicações monográficas próprias, fundamentalmente sobre história do porto de Valparaíso e imigração europeia e asiática no Chile, especialmente para Valparaíso.

Publicações:
ESTRADA TURRA, B. República y exilio español em el fin del mundo. Revista de Indias (Valparaíso, Chile), v. 69, nº 245, 2009.
ESTRADA TURRA, B. “La colectividad británica en Valparaíso durante la primera mitad del siglo XX”. Historia (Santiago), vol.39, no.1, jun 2006, p.65-91.
ESTRADA TURRA, B. “Migración y redes de poder en Américael caso de los industriales españoles en Valparaíso (Chile) 1860”. Revista complutense de historia de América, nº 31, 2005, p. 115-146.
ESTRADA TURRA, B. “Urbanización e inmigración española en Chile a comienzos del siglo XX”. Anuario americanista europeo, nº 3, 2005, p. 27-59 (Ejemplar dedicado a: La migración transatlántica. Fuentes, fondos y colecciones / coord. por Elda González Martínez).

Áreas temáticas:



 
 



  Roseli Terezinha Boschilia  
 
COLABORADORA

Professora do Departamento e do Programa de Pós-Graduação em História da Universidade Federal do Paraná (UFPR). Doutora em História do Brasil pela mesma universidade, com pós-doutorado na Universidade do Porto, Portugal.

Publicações:
BOSCHILIA, R. T. À procura de um novo destino: imigrantes portugueses no Paraná da segunda metade do século XIX. Revista História: questões & debates, v. 56, p. 87-112, 2012.

BOSCHILIA, R. T.; FIAMONCINI, C. Nas entrelinhas da história: a mulher imigrante portuguesa na documentação paranaense do século XIX. In: BOSCHILIA, R.; ANDREAZZA, M. L. (Org.). Portuguesas na diáspora: histórias e sensibilidades. Curitiba: Editora UFPR, 2011, v. 1, p. 299-319.
BOSCHILIA, R. T. Sonho e realidade: a experiência da emigração de mulheres portuguesas rumo ao Brasil. In: ADAO, D. M. (Org.). A vez e a voz da mulher em Portugal e na diáspora. Berkeley: University of California, Berkeley, 2011, v. 1, p. 59-69.
BOSCHILIA, R. T. Entre fitas, bolachas e caixas de fósforos: a mulher no espaço fabril curitibano (1940-1960). 1. ed. Curitiba: Artes & Textos, 2010. 206 p.
BOSCHILIA, R. T. Memória, patrimônio e identidade: imigração e narrativas familiares. In: MARUJO, M. (Org.). Avós e migração: raízes e identidade. Toronto: University of Toronto, Departament of Spanish and Portuguese, 2010, v. 1, p. 33-41.
BOSCHILIA, R. T ; FIAMONCINI, C. ; PASSOS, G. A presença portuguesa no Paraná: trabalho, integração e sociabilidade. In: SARGES, M. N.; SOUZA, F.; Matos, M. I.; Vieira Jr, A. O.; CANCELA, C. D.. (Org.). Entre mares: o Brasil dos portugueses. Belém: Paka-Tatu, 2010, v. 1, p. 223-230.

Áreas temáticas:
Movimentos migratórios
Imigração portuguesa
Imigração Urbana
Imigração e Gênero
História Oral


 
 




 

  Susana Chalante  
 
COLABORADORA

Doutoranda no Instituto de Ciências Sociais, da Universidade de Lisboa. Foi bolsista no projeto Elites na Era do Fascismo (2007 e 2009). Tem cooperado em conferências nacionais e internacionais, com palestras sobre a presença dos estrangeiros, nas décadas de 1930 e 1940, em Portugal, temas referentes a políticas emigratórias oitocentistas e emigração clandestina na região de Viseu no século XIX.

Publicações:
CHALANTE, Susana. “O discurso do Estado Salazarista perante o ‘indesejável’ (1933-1939)”. Análise Social, 2011.
CHALANTE, Susana (como colaboradora). Portugal: Atlas das Migrações Internacionais, coordenado por Rui Pena Pires (Tinta da China), recentemente traduzido para inglês.

Áreas temáticas:
Migrações Internacionais
Emigração clandestina
Políticas Emigratórias
Estado Salazarista


 
 



  Alexandre de Oliveira Kappaum  
 
COLABORADOR

Mestrando em Relações Internacionais pelo Programa de Pós-Graduação em Relações Internacionais da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (PPGRI-UERJ). Professor e Tradutor
Realizou MA in Gender Studies pela Central European University (CEU, Budapeste, Hungria) e
MBA em Diplomacia e Negócios Internacionais pela Faculdade da Cidade
Bacharelado em Ciências Econômicas pela Universidade Católica de Petrópolis (UCP).

Publicações:
KAPPAUN, Alexandre de Oliveira.” Tráfico de mulheres, feminismo e relações internacionais: uma abordagem histórica”. In: 3° Encontro Nacional da Associação Brasileira de Relações Internacionais e Instituto de Relações Internacionais da USP, Abril 2001, 3, 2011, São Paulo. Proceedings online. Associação Brasileira de Relações Internacionais Instituto de Relações Internacionais – USP.

KAPPAUN, Alexandre de Oliveira and SANTOS, Vanessa Cristina dos. “A interação entre a política interna e a política externa: a teoria dos jogos de dois níveis e os temas sociais na política externa brasileira”. In: 3° Encontro Nacional da Associação Brasileira de Relações Internacionais e Instituto de Relações Internacionais da USP, Abril 2001ABRI 2001, 3., 2011, São Paulo. Proceedings online.

KAPPAUN, Alexandre de Oliveira. “A Economia Política do Tráfico Internacional de Mulheres para Fins de Exploração Sexual: O Caso da América do Sul”. In: IV Fórum Povos e Culturas das Américas. Cidades: Cultura, Educação, Saúde e Direitos Sociais, 2009, Rio de Janeiro. IV Fórum Povos e Culturas das Américas. Cidades: Cultura, Educação, Saúde e Direitos Sociais. Rio de Janeiro: Nucleas/Uerj, 2009. p. 45-46.

Áreas temáticas:
Relações Internacionais
Feminismo e Relações Internacionais
Movimentos migratórios
Tráfico Internacional de Mulheres


 
 




 

  Chiara Pagnotta  
 
COLABORADORA

Doutora em História, com especialização em História Contemporânea pela Universidade de Gênova (2007). Pós-doutora junto ao Centre d’Études ethniques des universités montréalaises CEETUM, Universidade de Montreal (2008), financiado pelo Governo do Canadà – BRPD, Bouses Canadiennes pour la recherche postdoctorale et pos-doutorado junto a la Unité de Recherche Migrations et Société (URMIS), Universidade de Paris 7-Paris Diderot (2009), financiado pela Ville de Paris - Research in Paris. Em 2011 coordenou pesquisa sobre a imigração e colonização no Equador (XIX-XX). Atualmente é pesquisadora associada em eu laboratório URMIS-Paris e presidenta (2013-2015) da Associação Internacional Areia.

Publicações:
PAGNOTTA (C.). Attraversando lo stagno. Storie della migrazione ecuadoriana in Europa tra continuità e cambiamento (1997-2007). Roma: CISU, 2010. ISBN: 9788879755023.
ELLENA (L.), HERNÁNDEZ NOVA (L.), PAGNOTTA (C.). edited by, World Wide Women: Globalizzazione, Generi, Linguaggi — Vol. 4. Torino: CIRSDe – Centro Interdisciplinare di Ricerche e Studi delle Donne - Università degli Studi di Torino, 2012. ISBN: 978-88-905556-5-7.
PAGNOTTA (C.), MERINO (A.), edited by, “Globalización de las migraciones: identidad y pertenencia entre los inmigrantes latinoamericanos en Europa”. Actas del XVI Congreso AHILA 2011 El nacimiento de la libertad en la Península Ibérica y Latinoamérica. Orígenes, Evolución y Debates, Simposio XVI, em impressão.
PAGNOTTA (C.). Historias, memorias e identidades en la migración ecuatoriana contemporánea. Quito (Ecuador): Universidad Andina Simon Bolivar, em impressão.

Áreas temáticas:
História das migrações transnacionais
História social
Historia oral
Imigração e Gênero
Historia Italiana
Historia Equatoriana

LINK PARA ARTIGOS PUBLICADOS:

http://rua.ua.es/dspace/handle/10045/5472
http://alhim.revues.org/index3061.html
http://www.revistasusp.sibi.usp.br/scielo.php?pid=S1413-45192010000200002&script=sci_arttext
http://onlinelibrary.wiley.com/doi/10.1111/j.1557-203X.2011.01132.x/abstract



 
 
 



  Erick Reis Godliauskas Zen  
 
COLABORADOR

Doutor e Mestre em História Social pela Universidade de São (USP). Desenvolve pesquisa sobre a imigração da Europa Oriental para a América.

Publicações:
ZEN, E.R.G. Imigracão e Revolução. Lituanos, Poloneses e Russos sob Vigilância do Deops. São Paulo: Edusp, 2010.
ZEN, E.R.G. O Germe da Revolução. A Comunidade Lituana Sob Vigilância do Deops (1924 – 1950). São Paulo: Humanitas, 2005.
ZEN, E.R.G. “Los Estudios Inmigratorios en los archivos de la Policía Política de São Paulo. El Caso de los Lituanos”. Buenos Aires. Estudios Migratórios Latinoamericanos, v.1, 2012.
ZEN, E.R.G. “Attraction and Division: Lithuanian organizations in Brazil under surveillance of the Political Police (1924-1950)”. In: Oikos Lithuanian migration and diaspora studies. n.1(9), 2010.
ZEN, E.R.G. “Os Imigrantes Poloneses em São Paulo pela lente do DEOPS”. Travessia (São Paulo), v. 1, p. 77-86, 2010.
ZEN, E.R.G. “A Imprensa Comunista dos Imigrantes Lituanos”. Histórica (São Paulo), v. 9, p. 15-18, 2003.

Áreas temáticas:
Imigração e movimento operário
Imigração e História transnacional
Imigração e Comunismo.


 
 




 

  Paula Y. Shimonishi Lardo  
 
MESTRANDA

Possui graduação em Turismo com ênfase em Ambientes Naturais pela Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (2008) e graduação em Serviço Social pelo Centro Universitário da Grande Dourados (2008). Em 2011 concluiu a Especialização em História das Relações Internacionais na Universidade do Estado do Rio de Janeiro - UERJ. Atualmente é mestranda no programa de pós-graduação em Relações Internacionais da Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

Publicações:


Áreas temáticas:
movimentos migratórios, relação Brasil- EUA, relações culturais e relações internacionais.


 
 
 



 

  Celeste Castro  
 
COLABORADORA

Licenciada em Ciências Históricas pela Universidade Portucalense. Mestre em História das Populações, pela Universidade do Minho. Doutoranda em Relações Internacionais na Faculdade de Direito da Universidade Lusíada do Porto. Investigadora do CEPESE, desenvolve estudos relacionados com a emigração portuguesa.

Publicações:
CASTRO, Celeste. “A emigração na paróquia de Santo André da Campeã (1848-1900)”. In SOUSA, Fernando; MARTINS, Ismênia; MATOS, Izilda (coords.). Nas duas margens. Os portugueses no Brasil. Porto: CEPESE/Afrontamento, 2009.
CASTRO, Celeste. A emigração na paróquia de Santo André da Campeã – 1848-1900. Porto: CEPESE/Afrontamento, 2010.
CASTRO, Celeste. “Estado Português repressivo ou paternalista? Uma visão da emigração portuguesa através das circulares do Governo. 1947-1974”. In SOUSA, Fernando; MARTINS, Ismênia; MENEZES, Lená; MATOS, Izilda; SARGES, Nazaré; SILVA, Susana Serpa (coords.). Um Passaporte para a Terra Prometida. Porto: CEPESE/Fronteira do Caos, 2011.
CASTRO, Celeste. “O boletim da emigração o Correio (1972-1974)”. Comunicação apresentada no VII Seminário Internacional A (E)Imigração portuguesa para o Brasil. De colonos a imigrantes. S. Paulo, Brasil, 2011. Actas (no prelo).
CASTRO, Celeste. “A emigração do concelho da Maia para o Brasil e a Venezuela (1948-1974)".Comunicação apresentada no VIII Seminário Internacional – Portugal e as migrações da Europa do Sul para a América do Sul, Porto, 2012.

Áreas temáticas:
Movimentos migratórios
Emigração portuguesa


 




 

  Adel Jabbar  
 
é sociólogo dos processos migratórios, comunicação e relações transculturais (RES, Trento). Ensinou sociologia das culturas e das migrações na Università Cà’ Foscari di Venezia e comunicação intercultural na Università di Torino. Leciona sociologia das migrações em diversas univerisidades italianas.


Publicações:
JABBAR, Adel. “Disuguaglianza sociale e differenze culturali: per una intercultura democratica”, in Lorenzo Luatti ( a cura di), Atlante della Mediazione Linguistico-culturale, FrancoAngeli, Milano, 2006.
JABBAR, Adel. Frizioni e confini: parole di seconde generazioni, in Miriam Traversi, Mirca Ognisanti(a cura di), Letterature migranti e identità urbane, FrancoAngeli, Milano,2008.
JABBAR, Adel. “Narrare le Periferie: per un’educazione all’ugualianza e alla partecipazione”, in Alessandro Bosi(a cura di), Città e Civiltà, Nuove frontiere di Cittadinanza, FrancoAngeli, MiIano,2009.
JABBAR, Adel. “Migrazione”, in Alessandro Bosi , Marco Deriu, Vincenza Pellegrino(a cura), Il dolce avvenire, Esercizi di immaginazione radicale del presente, Diabasis, Reggio Emilia, 2009.
JABBAR, Adel. “Interculturalmente, educazione, diritti, cittadinanza” (a cura di Adel Jabbar e Marco Ferretti), numero monografico di Rassegna, periodico dell’Istituto Pedagogico in lingua italiana della Provincia Autonoma di Bolzano, Anno XVIII, agosto 2010.


Áreas temáticas:
Processos migratórios
Comunicação
Relações Transculturais


 
 



  Maria Teresa Toribio Brittes Lemos  
 
PESQUISADORA

Graduada e Licenciada em História pela UFRJ. Pesquisadora Visitante do Departamento de História da Universidade do Estado do Rio de Janeiro/UERJ. Bolsista Faperj Cientista do Nosso Estado. Pós-Doutora em História da América pela Universidade de Varsóvia- Cesla (Centro de Estúdios Latinoamericanos). Doutora em Filosofia- Pensamento Luso-Brasileiro / Universidade Gama Filho /UGF. Mestrado em História da América / Universidade Federal Fluminense UFF. Pesquisadora da Red Internacional do CESLA/UW. Coordenadora do Nucleo de Estudos das Américas/NUCLEAS/UERJ.

Publicações:
LEMOS, Maria Teresa Toribio Brittes ( Org.). Narrativas e História. RJ: Edit. 7 Letras, 2012
LEMOS, Maria Teresa Toribio Brittes (Org.). América - Visões e Versões. Identidades em Confronto. RJ: 7 Letras, 2010
LEMOS, Maria Teresa Toribio Brittes. Corpo Calado. RJ: Edit. 7Letras, 2008 (2ª.ed.)
LEMOS, Maria Teresa Toribio Brittes.. América Latina: Identidades em Construção. RJ: Edit.7 Letras, 2008.
LEMOS, Maria Teresa Toribio Brittes. Alberto Torres –Contribuição para o estudo das idéias no Brasil. RJ: Quartet, 2007, 2a.ed.


Áreas temáticas:
Imigrações sulamericanas (Bolívia)
Pensamento Latinoamericano
Cultura e religião- América Latina


 




  Leandro Pereira Gonçalves  
 
COLABORADOR

Professor Adjunto do Programa de Pós-Graduação em História da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS). Doutor em História pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP) com estágio no Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa (ICS-UL). Investigador estrangeiro associado do Centro de Estudos de História Religiosa da Universidade Católica Portuguesa (CEHR/UCP) e Pesquisador do Laboratório de Estudos de Imigração (LABIMI/UERJ). A tese de doutoramento que envolve relações entre Brasil e Portugal foi eleita como a melhor pesquisa de 2012 na área de História da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP) e previsão de lançamento em 2014 em Lisboa.

Publicações:
GONÇALVES, Leandro Pereira. Plínio Salgado e integralismo: relação franco-luso-italiana. Lusitânia Sacra, v. 26, p. 133-154, 2012.
GONÇALVES, Leandro Pereira. Os integralismos como uma forma de conhecimento da relação luso-brasileira no ambiente do conservadorismo. Locus (UFJF), v. 18, p. 45-68, 2012.
GONÇALVES, Leandro Pereira. A formação do integralismo brasileiro e a literatura de Plinio Salgado. Albuquerque: Revista de História, v. 4, p. 49-67, 2012.
GONÇALVES, Leandro Pereira; TANAGINO, Pedro Ivo Dias. Páginas de Plínio Salgado: Estado, história e revolução na propaganda integralista de 1932 a 1937. In: GONÇALVES, Leandro Pereira; SIMÕES, Renata Duarte. (Org.). Entre tipos e recortes: histórias da imprensa integralista - volume 2. Guaíba-RS: Sob Medida, 2012, p. 183-206.
GONÇALVES, Leandro Pereira. Propostas de um novo nacionalismo: a visão do imigrante para Plínio Salgado no romance O estrangeiro. In: HECKER, Frederico Alexandre de Moraes; MARTINS, Ismênia de Lima. (Org.). E/Imigrações: histórias, culturas, trajetórias. 1ed.São Paulo: Expressão & Arte Editora, 2010, p. 203-218.

Áreas temáticas:
Estudo comparado do conservadorismo português e brasileiro
Estudo transnacional da extrema-direita portuguesa e brasileira
Imigração política portuguesa
Exilados políticos


 
 



  Maria Luzia Braga Landim  
 
COLABORADORA

Doutora em História pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro-UERJ, Mestre em Memória Social e Documento pela Universidade do Rio de Janeiro - UNIRIO, Bibliotecária e Professora do Departamento de Ciências Humanas e Letras, Coordenadora do Centro de Documentação e Informação do Campus de Jequié, e do Projeto Estudos de Caso em Antropologia da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia. Pesquisadora dos Grupos de Pesquisa CNPq História, Memória e Relações Interculturais, e Núcleo de Estudos das Américas - UERJ.

Publicações:
LANDIM, M. L. B. A re construção da identidade nacional pelos imigrantes italianos no Nordeste do Brasil. ESPANHAno Volume I, das Ediciones del Orto, Ediciones Clasicas S.A, coletânea de Antonio Colomer Viadel, Out.2012. p.291. ISBN: 84-7923-466-0.
LANDIM, M. L. B. . A Bahia dos marajás, de mascates a latifundiários. 54 International Congres 389 - Tradición y Modernidad: Câmbios políticos , econômicos y socioculturais en America Latina, Viena. 2012.
LANDIM, M. L. B. ; Estrangeiros e sertanejos: a conquista do arraial de Jequié – século XIX. In: Narrativas e história a construção do estado latinoamericano. Rio de Janeiro: Editora sete Letras, 2011. v. 1.p.88. ISBN- 978-857577-908-8
LANDIM, M. L. B. d´AVILA, T. L. América visões e versões identidades em confronto. Movimentos sociais na América Latina: um olhar voltado para questões pluriculturais. Rio de Janeiro: Editora 7 Letras, 2011. v. 1. p.49 . ISBN 978-85-7577-684-1
LANDIM, M.L.B. Movimentos sociais na América Latina e a construção de novas identidades. In: América Latina: identidades em construção: Das sociedades tradicionais à globalização. Rio de Janeiro, Editora 7 letras, 2008. p.77. ISBN 978-85-7577-454-0.

Áreas temáticas:
Imigração para o sul da Bahia
Estrangeiros no sul da Bahia


 
 




  Nelly de Freitas  
 
COLABORADORA

Formada em História e Geografia pela Université Paris-Sorbonne e Doutora em História pela mesma instituição. Defendeu a tese de doutorado, realizada sob orientação do professor Luiz-Felipe de Alencastro e com o apoio da Fundação para a Ciência e Tecnologia de Portugal, em 4 de Abril de 2013 sobre o tema: Des vignes aux caféiers : Étude socio-économique et statistique sur l’émigration de l’archipel de Madère vers São Paulo à la fin du xixe siècle.
Sob coordenação geral de José Eduardo Franco e do Centro de Estudos de História do Atlântico, participa do projeto Aprender Madeira de elaboração do Dicionário Enciclopédico da Madeira que, em cinco volumes, destacará o arquipélago português em suas dimensões geográficas, físicas e humana.

Publicações:
FREITAS, N. «Partir sem ser visto: a emigração clandestina no arquipélago da Madeira no final do século ». In: Anuário do Centro de Estudos de História do Atlântico, n. ° 5, Funchal-Madeira, 2003.
FREITAS, N. « Immigration subventionnée au Pará en 1886 : le cas des Madériens oubliés». In: Revista franco-brasileira Confins (no prelo)
FREITAS, N. « Entre as vinhas e os cafezais: o perfil dos madeirenses que navegaram rumo à São Paulo entre 1888 e 1899 », capítulo do livro organizado por Paulo Lopes Matos intitulado A Demografia das Sociedades Insulares Portuguesas nos séculos XV a XX (no prelo).

Áreas temáticas:
História e e/imigração no Brasil
E/imigração portuguesa no Brasil especialmente do arquipélago da Madeira com ênfase em demografia histórica


 
 



 

  Renata Siuda-Ambroziak  
 
COLABORADORA

Professora no Centro de Estudos Latinoamericanos (CESLA) da Universidade de Varsóvia (UV), Polônia; Secretária Geral da Sociedade Polonesa dos Estudos Latino-Americanos. Doutora em Ciências Humanas na àrea da Filosofia Social pela UV-M, Polônia(2012); mestre em: Estudos Ibéricos e Iberoamericanos, UV (1997); Estudos Latinoamericanos especializados do CESLA, UV (1997), bacharel em Filologia Inglesa e Metodologia do Ensino, UV (1999), com estudos pós-mestrado em Psicologia Social, UV (2002) e estudos pós-doutorado (2013) em Direito Internacional, UV (Proteção da Propriedade Intelectual).

Publicações:
SIUDA-AMBROZIAK, Renata. “Mudanças na religiosidade e costumes religiosos dos descendentes dos poloneses em Aurea, RS” Polonicus. Revista de reflexão Brasil-Polonia. III-2/2012. Curitiba, PR, Brazylia, s. 83-95, ISSN 21774730.
SIUDA-AMBROZIAK, Renata. “A identidade dos núcleus polônicos nas paróquias brasileiras”. Polonicus. Revista de reflexão Brasil-Polonia. II-2/2011. Curitiba, PR, Brazilia, p. 123-132, ISSN 2177-4730.
SIUDA-AMBROZIAK, Renata. “A comunidade polonica brasileira e a sua visão da Polonia e do polonismo”. Polonicus. Revista de reflexão Brasil-Polonia. II-1/2011. Curitiba, PR, BrazIlia, p. 91-104, ISSN 21774730.
SIUDA-AMBROZIAK, Renata. “Przemiany w obyczajowości i obrzędowości religijnej potomków Polaków w Brazylii” w: Pawliszewski, S. (red.). 75 lat działalności Towarzystwa Polsko-Brazylijskiego. Warszawa 2006, s. 59-68, ISBN 8389251302.
SIUDA-AMBROZIAK, Renata. A vida nos municípios ‘poloneses’ do Rio Grande do Sul nos finais do século XX (o caso de Guarani das Missões-RS, a capital polonesa dos Gaúchos)”. In: RODRÍGUEZ, F. (red.) Migraciones e interculturalidad. Experiencias europeas y latinoamericanas. Warszawa: CESLA, 2005, s. 167-174, ISBN 8389251167.

Áreas temáticas:
Movimentos migratórios e relações internacionais
Imigração polonesa no Brasil
Movimentos sociais e as organizações do setor terciário
Transformações no campo religioso latino-americano, especialmente brasileiro.


 
 




 

  Óscar Álvarez Gila  
 
COLABORADOR

Doutor em História pela Universidade do País Vasco (UPV/EHU) e Profesor Titular de Historia de América na mesma universidade. Especialista em temas de emigração basca para a América nos séculos XIX-XX. Suas linhas de investigação dirigem-se ao estudo da presença religiosa basca, a conformação social e ideológica das coletividades basco-americanas, a extensão e elaboração dde formulações peculiares do nacionalismo basco na América e, mais recentemente, a atividade econômica y empresarial dos imigrantes bascos nos países de destino. Estudou também as vinculações entre os processos migratórios e as mudanças meio-ambientais, sendo um dos membros participantes do projeto europeo “Environmental Changes and Forced Migration Scenarios (EACH-FOR, 2006-2009)”. Foi Professor visitante nas Universidades de Oxford, Reino Unido (2008-2009), Reno-Nevada, Estados Unidos (2010-2011) e Columbus State, Georgia, Estados Unidos (2013-2014).

Publicações:
ANGULO MORALES, Alberto; Eneko SANZ GOIKOETXEA y ÁLVAREZ GILA, Óscar. Las Delegaciones de Euskadi (1936-1975). Antecedentes históricos de los siglos XVI al XIX, origen y desarrollo, Vitoria-Gasteiz, Servicio Central de Publicaciones del Gobierno Vasco, 2010, 321 pp. (ISBN 978-84-457-3068-3).
ÁLVAREZ GILA, Óscar (dir.). Organización, identidad e imagen de las colectividades vascas de la emigración (siglos XVI-XXI). Organization, Identity and Image of the Basque Communities Abroad (16th-21st Centuries), Bilbao, Universidad del País Vasco, 2010, 270 pp. (ISBN: 978-84-9860-377-4).
ÁLVAREZ GILA, Oscar; Ana UGALDE ZARATIEGUI y Virginia LÓPEZ DE MATURANA DIÉGUEZ. “Western Sahara. Migration, Exile and Environment”, International Migration, Washington, 49 (2011) , Issue Supplement s1: "Environmentally Induced Migration in the Context of Social Vulnerability", pp. e146-e163 (doi: 10.1111/j.1468-2435.2010.00665.x).
ÁLVAREZ GILA, Óscar. “Changes on Perception of Ethnic Identity after the End of Mass Migration. The Basques in the United States”, Amnis, Número monográfico "Transnational Mobility and Exchanges between Europe and America", 12 (2013), puesto en línea el 20 de junio de 2013 (ISSN 1764-7193), disponible en http://amnis.revues.org/1977
ÁLVAREZ GILA, Óscar. “Refugees for the Media, 'Evacuees' for the Government: The Case of the 1961 Tristan da Cunha Volcano Eruption and Its Displaced Inhabitants”, en STOJANOV, Robert, Zdeněk ŽALUD, Pavel CUDLÍN, Aleš FARDA, Otmar URBAN y Miroslav TRNKA (dirs.). Global Change and Resilience: From Impacts to Responses, Brno, Global Change Research Centre - The Academy of Sciences of the Czech Republic, 2013, pp. 12-15.

Áreas temáticas:
Emigração basca
Coletividades basco-americanas
Nacionalismo basco na América
Atividade econômica e empresarial dos imigrantes bascos
Processos migratórios e mudanças meio-ambientaiso climático.


 
 



 

  José Ángel Hernández García  
 
COLABORADOR

Doutor em História Contemporânea (Universidade de Alacalá de Henares- Madrid). Foi diretor do Instituto de Humanidades da Universidade de La Sabana e Diretor do Departamento de Historia. Atuou como Professor visitante das Universidade Libre de Berlín, Universidade de Navarra, Universidade del País Vasco, UNED y Universidad Carlos III. Docente na Universidad de Nevada, EE.UU. Atualmente, é profesor na Universidad de La Sabana (Bogotá/Colômbia) e coordena o grupo de pesquisa “La participación ideológica de los emigrantes extranjeros en los procesos políticos colombianos; 1935-1945”, investigación interinstitucional entre las universidades Sergio Arboleda y La Sabana, ambas en Bogotá.

Publicações:
GARCÍA, José Ángel Hernández. “El exilio republicano españolen Colombia” en ¡Ay de los vencidos! Abdón Mateos. Editorial Eneida. 2008. ISBN 978-84-92491-15-5.
GARCÍA, José Ángel Hernández. “La emigración judía, ¿Colombia, país de asilo?, años 20, 30 y 40” en Los judíos en Colombia: una aproximación histórica. 2011. ISBN 978-958-44-7499-5
GARCÍA, José Ángel Hernández. “Emigración judía en Colombia en los años 30 y 40. Un caso particular: los polacos” en Pensamiento y Cultura, volumen 10, 1-280. Noviembre de 2007. ISSN 0123-0999.
GARCÍA, José Ángel Hernández. “La colonia japonesa en Colombia durante la Segunda Guerra Mundial y la protección de sus intereses por la Embajada Española” en Historia Contemporánea, No. 36. 2008 (1). ISSN 1130-2402.
GARCÍA, José Ángel Hernández. “El exilio nacionalista vasco en Colombia: el caso de Fernando Irusta” en Revista de Cultura e Investigación Vasca Sancho “El Sabio”. Año 20 – 1a. Etapa No.32. 2010. ISSN 1131-5350.

Áreas temáticas:
Emigração e Imigração
Exílio
Estrangeiros na Colômbia


 
 




 

  Maria Luiza Ugarte Pinheiro  
 
COLABORADORA

Professora Associada da Universidade Federal do Amazonas (UFAM). Doutora em História pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Líder do Grupo de Pesquisa “Laboratório de História da Imprensa no Amazonas”. Bolsista Produtividade do CNPq.

Publicações:
PINHEIRO, M. L. U. . Portugueses no Universo do Trabalho Manauara, 1880-1920. In: José Jobson de Andrade Arruda; Vera Lucia Amaral Ferlini; Maria Izilda Santos de Matos; Fernando de Sousa. (Org.). Portugueses no Universo do Trabalho Manauara, 1880-1920.. 1a.ed.São Paulo: Alameda Casa Editorial, 2013, v. , p. 563-577.
PINHEIRO, M. L. U. . Le Miroir français du Paris de La jungle .. In: Laurent Vidal;Tania Regina de Luca. (Org.). Les Français au Brésil XIXe-XXe siècles.. 1a.ed.Paris: Les Indes Savantes, 2011, v. 1, p. 281-296.
PINHEIRO, M. L. U. . Hiléia das Letras: Periodismo e Vida Literária em Manaus. In: Aníbal Bragança; Márcia Abreu. (Org.). Impresso no Brasil: Dois séculos de livros brasileiros. 1ªed.São Paulo: Unesp, 2010, v. 1, p. 473-487.
PINHEIRO, M. L. U. . O Espelho Francês na Paris das Selvas. In: Laurent Vidal;Tania Regina de Luca. (Org.). Franceses no Brasil: séculos XIX-XX.. 1a.ed.São Paulo: UNESP, 2009, v. 1, p. 271-287.
PINHEIRO, M. L. U. . A Cidade sobre os Ombros: trabalho e conflito no Porto de Manaus (1899-1925). 2ª. ed. Manaus: Edua, 2003. v. 500. 216p .

Áreas temáticas:
História e Imprensa
História e Cidade
Imigração Urbana
Movimento Operário e Movimentos Sociais


 
 
 



 

  Patricia Flier  
 
COLABORADORA

Doctora en Historia por la Universidad Nacional de La Plata.

Investigadora y miembro del Consejo Científico del Centro de Investigaciones Socio Históricas (CISH) de la Facultad de Humanidades y Ciencias de la Educación de la Universidad Nacional de La Plata. Perteneciente al IdIHCS Instituto de Investigaciones en Humanidades y Ciencias Sociales (UNLP-CONICET).Prosecretaria de Relaciones Institucionales de la Facultad de Humanidades y Ciencias de la Educación, de la UNLP, desde 2010 y continúa. Coordinadora Académica del Doctorado en Historia de la UNLP y miembro del consejo Científico. Profesora Adjunta Ordinaria a cargo de las cátedras Historia Social Argentina y Problemas de Historia Argentina: Historia, memoria e imaginarios. Estudios y representaciones de la historia reciente argentina y del Cono Sur. FAHCE/ UNLP, desde 2003 y continúa. Directora del proyecto De la memoria a la Historia del pasado reciente en el Cono Sur. Aportes, debates y desafíos para un campo en consolidación. Programa de Incentivos a la Investigación de la Universidad Nacional de La Plata, Periodo: 1/01/2014 al 31/12/2018.

Publicações:
Flier, Patricia (Compiladora) (2014) Dilemas, apuestas y reflexiones teórico-metodológicas para los abordajes en Historia Reciente. La Plata, Ediciones FAHCE, 2014 ISBN 978-950-34-1093-6
Flier, Patricia y Lvovich, Daniel (Coodinadores) (2014) Los usos del olvido. Recorridos, dimensiones y nuevas preguntas, Rosario, Prohistoria Ediciones, ISBN 978-987-1855-76-6

Groppo, Bruno y Flier, Patricia. (Compiladores) La imposibilidad del olvido. Los recorridos de la
memoria en Argentina, Chile y Uruguay. La Plata, Ediciones Al Margen y BDIC., 2001.

Flier, Patricia, (2014). La literatura del exilio y los trabajos de las memorias: la vuelta a “el
fuera de lugar” En: Flier, Patricia (Compiladora) (2014) Dilemas, apuestas y reflexiones teórico-
metodológicas para los abordajes en Historia Reciente. La Plata, Ediciones FAHCE, 2014.

Flier, Patricia G. (2008) Derechos humanos y educación. Políticas de la memoria en el pasado
reciente en Argentina. 1976-2008. En: Miguel Rojas Mix (Edit) Educación y Sociedad en
Iberoamérica. Ensayo en Homenaje a Juan Carlos Rodríguez Ibarra. Cáceres, CEXECI, 2009. ISBN:
978-84-921818-9, p. 434-455

Áreas temáticas:



 




 

  Leticia Calderón  
 
COLABORADORA

Investigadora y Profesora del Instituto de Investigaciones José María Luís Mora, Centro CONACyT, México
Doctora en Ciencias Sociales por FLACSO-México
Maestra y Licenciada en Sociología UNAM
Pertenencia al Sistema Nacional de Investigadores S.N.I nivel 2
Miembro de la Academia Mexicana de Ciencia
Miembro del Consejo Editorial del CEMCA
Miembro del Patronato de Sin Fronteras A.P
Miembro del Comité Técnico para proponer un nuevo modelo de Voto en el extranjero, IFE, febrero-junio 2013
Coordinadora de la pagina web www.migrantologos.mx

Publicações:
Calderón Chelius, Leticia y Simone Lucatello (coord.), Investigar para incidir:
Reflexiones sobre los desafíos y tareas del científico social contemporáneo, México,
Instituto Mora, 2011. ISBN: 978-607-7613-64-0

Calderón Chelius, Leticia, Los superhéroes no existen. Los migrantes mexicanos
ante las primeras elecciones en el exterior, México, Instituto Mora, 2010, ISBN: 978-607-7613-41-1

Calderón Chelius, Leticia, (coord.), “Votar en la distancia”, La extensión de los derechos políticos a migrantes, experiencias comparadas, México, Instituto Mora, 2003. Pág. 588 pp. ISBN 970-684-080-x

Calderón Chelius, Leticia y Jesús Martínez Saldaña, La dimensión Política de migración mexicana, México, Instituto Mora, 2002. 348 pp. ISBN 970-684-052-4

Áreas temáticas:
Migración internacional y derechos políticos, gestión migratoria, construcción de ciudadanía trasnacional, discriminación, xenofobia y racismo, espacio público e integración.


 
 



 

  Pilar Cagiao Vila  
 
Professora Titular de Historia de América na Universidade de Santiago de Compostela e Diretora do Centro Interdisciplinário de Estudos Americanistas. As linhas de pesquisas consistem nos movimientos migratórios e as relações culturais entre Espanha e América. A tese doutoral Participación económico social de la inmigración gallega en Montevideo, 1900-1970, defendida na Universidade Complutense de Madrid (1990) foi contemplada com o Prêmio Extraordinario. Autora dos libros Muller e Emigración (1997); Os galegos de Ultramar: de emigrados a inmigrantes (2007); Os Galegos e o mundo colonial americano (com M.L Pazos Pazos, 2007) e Galicia e o Río da Prata (com X. M. Núñez Seixas, 2007), ademais de coordenar varias ediçoes como Galegos en América, “americanos” en Galicia, as colectividades inmigrantes en América e a súa impronta na sociedade galega (séculos XIX e XX) (1999); O Exilio Galego de 1936: Política, Sociedade, Itinerarios” (2006, Co-ed. com X.M. Núñez Seixas) e De raíz profunda: Galicia y lo gallego en Cuba (2007, Co-ed. com Sergio Guerra), La emigración gallega a la América del Sur (2013).
Foi diretora do Arquivo da Emigração Galega do Conselho da Cultura Galega, e Secretária da Revista Estudios Migratorios. Revista Galega de Análise das Migracións.

Publicações:
Pilar Cagiao Vila. 2013. A emigración galega a Suramérica. Precedentes históricos. Os séculos coloniais. A emigración galega a América do Sur. pp. 19 - 36. A Coruña, Galicia(España): Hércules de Ediciones. ISBN 978-84-92715-73-2
Pilar Cagiao Vila. 2013. A inmigración galega en Uruguai. A emigración galega a América do Sur. pp. 149 - 198. A Coruña, Galicia(España): Hércules de Ediciones, 2013. ISBN 978-84-92715-73-2.
Pilar Cagio Vila; Rocío Botana Iglesias, 2012. ?A emigración á
América na comarca de Vigo?. Historia da emigración pontevedresa en
Buenos Aires. pp. 127 - 148. Pontevedra, Galicia(España): Diputación
de Pontevedra. ISBN 978-84-8457-386-9.
Manuel Núñez Rodríguez; Pilar Cagiao Vila; Víctor Mínguez Cornelles. 2012. Presencia de España en América. SEMATA. Ciencias Sociais e Humanidades [recurso electrónico]. 24, pp. 489. Santiago de Compostela, Galicia(España): Servizo de Publicacións e Intercambio Científico da USC. ISSN 1137-9669

Áreas temáticas:



 




 

  Alejandro Fernández  
 
Doutor em Historia pela Universidade de Barcelona e Mestre en Ciências Sociais por FLACSO. Professor e pesquisador da Universidade de Luján (Argentina), onde coordena o Mestrado em Ciências Sociais. Foi professor visitante em universidades da Espanha, Italia e França. Co-diretor da revista Estudios Migratorios Latinoamericanos.

Publicações:
Emigración y exportaciones españolas a la Argentina, 1880-1935, Madrid, CSIC, 2004; Migraciones internacionales, actores sociales y Estados, Madrid, Iberoamericana-Vervuert, 2014 (em co-autoria com Elda González Martínez); Las migraciones españolas a la Argentina. Variaciones regionales (siglos XIX y XX), Buenos Aires, Biblos, 2008 (co-autoría com Nadia De Cristóforis) e La inmigración española en la Argentina, Buenos Aires, Biblos, 1999 (co-autoria com José C. Moya).

Áreas temáticas:
Emigração espanhola
Exílio republicano
Associaciativismo espanhol y catalão na Argentina
História do catalanismo em Buenos Aires


 
 
 


 

 

 


 Home   |   O Laboratório    Pesquisadores   Grupos de Pesquisa    Projetos   |   Artigos   |   Notícias   |   Documentos   |   Links   |   Contato


Endereço: Rua São Francisco Xavier, 524, 9º andar, Bloco D, sala 9007 - Maracanã, Rio de Janeiro, RJ - Tel: (21) 2334 0989

© 2017 LABIMI.
Todos os direitos reservados.